Supremo afasta senador dos R$ 30 mil

Por Canal Meio 16/10/2020 - 17:56 hs

Supremo afasta senador dos R$ 30 mil

O ministro Luís Roberto Barroso determinou o afastamento por 90 dias do senador Chico Rodrigues, apanhado pela Polícia Federal com R$ 33.150 no corpo — dentre os quais R$ 15 mil em maços de dinheiro entre as nádegas. “A gravidade concreta dos delitos investigados também indica a necessidade de garantia da ordem pública”, escreveu Barroso. “O senador estaria se valendo de sua função parlamentar para desviar dinheiro destinado ao enfrentamento da maior pandemia dos últimos 100 anos, num momento de severa escassez de recursos públicos e em que o país já conta com mais de 150 mil mortos em decorrência da doença.” Os policiais informaram ao ministro terem escolhido não reproduzir, em seu relatório, o momento em que encontraram o dinheiro. “Considerando a forma como os valores foram escondidos pelo senador Chico Rodrigues bem no interior de suas vestes íntimas, deixo de reproduzir tais imagens neste relatório para não gerar maiores constrangimentos.” No Senado, a decisão de Barroso foi questionada. “E o direito ao contraditório?", disse Ângelo Coronel, que é integrante do Conselho de Ética. (Folha)

O caso se tornou um problema para o presidente do Senado, Davi Alcolumbre. Ele precisa que o Supremo aprove a constitucionalidade de sua reeleição para voltar, no ano que vem, ao comando da Casa. Mas um número grande de senadores está irritado com a decisão da Corte. No meio do tiroteio, informa a Coluna do Estadão, Alcolumbre não sabe a quem contrariar. (Estadão)

Bruno Boghossian: “O presidente não gostou da repercussão da batida policial que encontrou dinheiro na cueca do senador. ‘Não tenho nada a ver com isso’, reclamou. O que se sabe do caso até agora não sugere uma conexão entre os desvios e o Palácio do Planalto, mas o protagonista do escândalo simboliza bem as relações políticas de Jair Bolsonaro. Num vídeo que voltou a circular depois da operação, o hoje presidente brinca que a relação de 20 anos entre os dois era ‘quase uma união estável’. Além da longevidade conjunta no baixo clero, o que uniu a dupla foram conexões políticas igualmente desimportantes. Na antiga gravação, Rodrigues enalteceu Bolsonaro por seu patriotismo e pela ‘defesa dos princípios da família’. Depois, já no Planalto, o presidente elogiou a postura do aliado contra a obrigatoriedade da troca de taxímetros. Bolsonaro carregou para o gabinete presidencial as companhias e a lógica política de seus anos no Congresso. Estão com ele a mesma retórica vazia, as mesmas plataformas frívolas e as mesmas bandeiras moralistas. Rodrigues expõe ainda o hábito de certos personagens que costumam cultivar outros valores. Estes são guardados em dinheiro vivo.” (Folha)

O STF decidiu, por 9 votos a 1, manter a prisão do traficante André Oliveira Macedo, o André do Rap. Marco Aurélio Mello foi o único voto contrário. Havia sido sua decisão liminar que o soltou — ele está foragido. (G1)

Mais pesquisas do Ibope sobre as intenções de voto para as prefeituras nas capitais brasileiras. Em São Paulo, Celso Russomanno (Republicanos) segue numericamente à frente na disputa, com 25%, mas tecnicamente empatado considerando a margem de erro da pesquisa de 3 pontos percentuais, com Bruno Covas (PSDB), com 22% das intenções. Em seguida, aparece Guilherme Boulos (PSOL) com 10%.

O ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) segue à frente na disputa no Rio de Janeiro, e com 30% das menções. O atual prefeito Crivella (Republicanos) se mantém com 12% das citações, seguido pela Delegada Martha Rocha (PDT) com 8%.

Em Belo Horizonte, o atual prefeito Kalil (PSD) segue na liderança isolada pela reeleição com 59% das intenções de voto. Bem atrás está João Vitor Xavier (CIDADANIA), que tem 7%.

João Campos (PSB) cresceu 10 pontos percentuais desde a última pesquisa há duas semanas e assume a liderança da disputa pela Prefeitura de Recife, com 33% das intenções de voto. Mendonça Filho (DEM) foi citado por 18% dos eleitores e, considerando a margem de erro ocupa a segunda posição junto com Marilia Arraes (PT) que permanece com 14% das respostas.

O plano inicial era fazer um debate virtual, por conta da Covid de Donald Trump — mas a campanha do presidente não concordou. A rede americana ABC então decidiu substituir o encontro dos dois candidatos por uma entrevista com seu adversário, Joe Biden, no formato town hall — em que uma plateia faz perguntas. Ontem à noite, sob pesadas críticas e simultaneamente, a concorrente NBC ofereceu espaço similar a Trump e os dois foram entrevistados. (BBC)

As críticas à NBC se encerraram no momento em que a jornalista Savannah Guthrie começou a fazer perguntas. Foi a mais dura entrevista que o presidente enfrentou este ano. Em um momento, ela questionou um tuíte de Trump sobre a teoria conspiratória QAnon. O presidente argumentou que apenas repassou algo e as pessoas decidem o que acham. “Não entendo isso”, ela contra-atacou. “Você é o presidente. Não é o tio maluco de alguém que pode simplesmente retuitar o que quer.” Na sequência Guthrie deixou claro do que trata a teoria. “Os democratas são um grupo satânico de pedófilos e você é o salvador”, ela explicou. “Você pode se distanciar por completo de QAnon?” Trump não o fez. “Vocês fazem perguntas para Joe Biden como se ele fosse uma criança”, ele se queixou em outro momento. (Washington Post)

Biden seguiu sua tática de impor contraste à postura do adversário. “As palavras de um presidente importam”, afirmou ao repórter George Stephanopoulos. “Quando o presidente não usa uma máscara ou faz graça de gente como eu que usa as pessoas acham que talvez não seja importante.” (New York Times)

E... O Twitter voltou atrás e permitirá a distribuição da reportagem do New York Post que afirma haver contato entre Biden e um grupo corrupto ucraniano. Os tuítes serão etiquetados informando de que a origem da informação é suspeita. (Guardian)

Senador envolve Polícia Federal em lavagem de dinheiro

Tony de Marco

 

 

Viver

 

Foram registradas 734 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando ao total de 152.513 óbitos. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 497, uma variação de -26% em relação aos dados registrados em 14 dias. Em casos confirmados, desde o começo da pandemia são 5.170.996 brasileiros, com 29.498 desses confirmados no último dia.

Apenas oito cidades ainda não têm registro de casos de coronavírus no país. São municípios pequenos, com, no máximo, sete mil habitantes. E há ao menos 93 casos de reinfecção sendo investigados no Brasil, segundo levantamento da CNN.

Então… Um estudo do Instituto Nacional de Saúde e Bem-Estar da Finlândia descobriu que os anticorpos contra a doença ficam no organismo, pelo menos, por quatro meses após o contágio e geram imunidade durante o mesmo período. Os pesquisadores ressaltaram, no entanto, que ainda não há certeza sobre que tipo de imunidade é a que protege o organismo contra um novo contágio, embora os especialistas acreditam que é a que proporciona os anticorpos neutralizantes.

Enquanto isso… Novos casos têm se espalhado pela Europa, assim como novas restrições. Londres entrou na fase de “alto risco” e vai começar a proibir reuniões e encontros sociais com mais de seis pessoas. A França vai adotar toque de recolher em suas grandes cidades, incluindo Paris. E Portugal entrou em estado de calamidade.

As mortes, no entanto, estão bem abaixo do pico de abril porque muitos dos casos são entre jovens e menos vulneráveis. Mesmo assim, a OMS alertou que o nível de mortalidade pode chegar a ficar quatro ou cinco vezes maior do que em abril se as restrições forem suspensas prematuramente.

Nos EUA, os números também estão aumentando em 39 estados, e o país registrou sua maior curva de novos casos desde agosto. Enquanto outros países estão tendo mais sucesso: na Austrália e em grande parte da África e da Ásia, a taxa per capita de novos casos permanece próxima de zero. (New York Times)

E a Universidade de Oxford criou um teste rápido que identifica o coronavírus em menos de cinco minutos. Os pesquisadores disseram que esperam começar o desenvolvimento do produto no início de 2021 e tê-lo aprovado após seis meses.

Uma imagem de uma tigresa-siberiana abraçando uma árvore levou o maior prêmio da competição Fotógrafo de Vida Selvagem de 2020, realizada pelo Museu de História Natural do Reino Unido. Entre as outras fotos vencedoras estão de uma raposa devorando um ganso e uma imagem de perfil de um macaco narigudo. Confira.

 

 

Economia

 

A Moody’s indicou que a nota de crédito do Brasil pode mudar se não houver ajuste em 2021. A agência de classificação de risco disse que a avaliação em vigor já projeta aumento de gastos para enfrentar efeitos da pandemia, mas também prevê retomada do ajuste, com o avanço das reformas, no próximo ano. A nota de crédito atual do Brasil é de “Ba2”, com perspectiva “estável” — dois graus abaixo para voltar a ser considerado grau de investimento. (Estadão)

Então… O governo já avalia cortar 3 milhões de famílias do Renda Cidadã para o programa caber no Orçamento. Isso representaria metade da expansão anunciada e chegaria ao menos 17,2 milhões de famílias, com um benefício de R$ 240 que custaria pelo menos R$ 49,5 bilhões. Mas, em meio a incertezas de como pagar, o programa deve ser incluído na PEC Emergencial de maneira genérica e sem um prazo para sair do papel. (Folha)

O auxílio emergencial foi um dos fatores que ajudaram a melhorar a estimativa do PIB de 2020, segundo o economista Sergio Vale. Mas o ajuste fiscal é o grande desafio do país. O índice de atividade do BC, o IBC-Br cresceu 1,06% na comparação com julho, mas abaixo da expectativa de 1,7%. “O dado não desanima. O cenário se consolidou, o PIB deve encolher entre 4% e 5% este ano. É bem melhor do que se imaginava em abril.”, diz. “A preocupação agora é com o ano que vem. O país tem um grande ‘elefante na sala’ que é a questão fiscal. Teremos dois anos de dificuldades pela frente, em 2021 e 2022”. (Globo)

Com a pandemia, o lucro dos bancos caiu 31,9%. Segundo o BC, no primeiro semestre do ano as instituições tiveram ganhos de R$ 40,8 bilhões — R$ 22,4 bilhões no primeiro trimestre e R$ 18,4 bilhões no segundo. A principal razão para a queda foi o maior aumento de caixa dos bancos para perdas com crédito por causa da pandemia. (Folha)

No ano, o sistema financeiro deve ter uma redução da ordem de 30% a 35% nos lucros. A rentabilidade está na faixa de 13%, quando o usual é algo na casa de 16% a 17%. Segundo o Relatório de Estabilidade Financeira, o nível de provisões é um dos mais elevados desde o fim de 2014. No entanto, não comprometeram o nível de capitalização dos bancos. (Valor)

Por falar em bancos… O Brasil é o país da América Latina e Caribe com a mais alta taxa média nominal de empréstimo, de 46,9%, e com o maior spread, de 38,4%, segundo um estudo do Banco Mundial. Só perde para Madagascar, dentre as 140 economias em desenvolvimento. (Estadão)

O temor de uma segunda onda na Europa e a demora sobre o pacote de estímulos nos EUA levou as Bolsas ao negativo. O Ibovespa fechou em -0,28% aos 99.054 pontos. O dólar subiu para R$ 5,63. E nos EUA, o S&P 500 ficou em -0,15% e o Dow Jones em -0,11%.

Os índices na Ásia fecharam sem uma direção clara. O Nikkei japonês ficou em -0,41% e o Kospi coreano em -0,83%. Enquanto o Shanghai chinês ficou em +0,13% e o Hang Seng de Hong Kong em +0,94%. Na Europa, abriram ligeiramente em alta, ainda pressionados pelo receio com a segunda onda. Pela manhã, o DAX alemão estava em +0,37%, o FTSE 100 inglês em +0,70% e o CAC 4a francês em +1,02%.

 

 

Cultura

 

Morreu aos 93 anos o baterista de jazz e designer de tipos norte americano Ed Benguiat. Autor de mais de 600 fontes tipográficas entre elas as famílias Bookman, Bauhaus, Souvenir, Tiffany e a homônima Benguiat, usada no logotipo do seriado Stranger Things. Ed desenhou ou redesenhou logotipos icônicos para as revistas EsquirePlayboySports Illustrated e para o jornal The New York Times. Nesta entrevista ele fala sobre como passou da música para o design gráfico.

Chegou o final de semana. E com ele uma série de eventos. Começa na segunda o festival Balaclava Digital, que transmite shows de artistas como Andy Bell (ex-guitarrista da banda Ride), Mac McCaughan (do Superchunk), Kiko Dinucci e Jup do Bairro pelo Twitch. Haverá ainda entrevistas com Mac Demarco, Rachel Goswell (do Slowdive), Cansei de Ser Sexy e Anthony Fantano, do canal The Needle Drop, entre outros.

Antes, hoje à noite, tem show imperdível do Metá Metá - trio formado por Juçara Marçal, Thiago França e Dinucci - nas redes do Sesc.

198 filmes de 71 países estão na programação da 44ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que começa na quinta com sessões virtuais e em drive-ins da cidade. Confira a seleção completa de filmes.

Arnaldo Antunes e Hermeto Pascoal são alguns dos nomes confirmados da Virada SP Online, que acontece no sábado e no domingo pela plataforma #CulturaEmCasa.

O Teatro Porto Seguro realiza nesse sábado o Festival de Peças de Um Minuto, com direção geral de Hugo Possolo, dos Parlapatões. Barbara Paz e Nelson Baskerville são alguns dos encenadores convidados.

Para os insones, na madrugada de sábado para domingo, às 4h, o duo de rap Run the Jewels apresenta o disco RTJ4 na íntegra em live do Adult Swim. Killer Mike e El-P terão como convidados Zack de la Rocha, Josh Homme e Mavis Staples.

Uma boa opção para ver com os pequenos é a adaptação de O Pequeno Príncipe que a Orquestra Ouro Preto apresenta no domingo. O espetáculo tem música original de Tim Rescala e teatro de bonecos por Eduardo Felix.

A curadoria da 34ª Bienal de São Paulo estreia na quinta uma série de lives com artistas convidados da edição. O primeiro encontro é com com o escritor, cineasta e pesquisador malinês Manthia Diawara. Um verso do poeta Thiago de Mello serve de pontapé para a conversa: Faz escuro mas eu canto. No mesmo dia, acontece o lançamento online do livro Luciano Carneiro – Fotojornalismo e Reportagem (1942-1959). Para conversar sobre o fotógrafo que cobriu eventos como a Revolução Cubana e a Guerra da Coreia, o organizador do volume, Sergio Burgi, convida Erika Zerwes, Tiago Santana e Victor Moriyama. Para mais dicas culturais, assine a newsletter da Bravo.

Nossa assinatura premium não tem pegadinha, daquelas que é mais barata nos primeiros meses e depois dá um salto, ou daquelas outras que você precisa falar com sei lá quantos atendentes para cancelar, precisa dar um tempo? É só ir em nosso site premium e cancelar, depois você pode voltar, quando quiser. Sempre pelo mesmo preço, mais barato do que um lanche na padaria. Assine.

 

Cotidiano Digital

 

O Twitter sofreu uma queda parcial de sua rede na noite de ontem — e já se recuperou. De acordo com os técnicos da empresa, não há sinal de que tenha havido ataque hacker.